Meditação Ativa

Se quer meditar, mas tem dificuldade, então a meditação ativa é uma boa opção e assim não poderá desculpar-se mais com a falta de tempo.

Compartilhar nas Redes Sociais:

1)Imagem presente em: http://www.ufrgs.br/ufrgs/noticias/projeto-oferece-pratica-de-meditacao-ativa

Quando alguém pretende meditar, muitas vezes tem a necessidade de seguir um ritual ou adotar um método que possa aplicar diariamente de forma a sentir-se mais seguro e disciplinado. Por isso, apareceram as várias técnicas de meditação, sendo a mais conhecida a posição de lótus, muito utilizada no oriente, nomeadamente no Ioga ou no Budismo.

Durante a prática, observar os suaves movimentos da respiração constitui um excelente objeto de concentração. Seguir o percurso do ar pelas vias respiratórias durante a inspiração e expiração leva gradualmente o praticante a relaxar e a abstrair-se dos próprios pensamentos, mantendo-se num estado de alerta, de presença.

Contudo, meditar é muito mais do que ficar sentado, imóvel e em silêncio. Em toda a atividade humana é possível entrar num estado meditativo, ao qual se chama meditação ativa ou meditação em movimento.

Como pode ser alcançado este estado?

Pela tranquilidade, concentração e entrega total na atividade que se está a fazer. Por exemplo, caminhar na praia apenas observando a beleza do mar, com os seus movimentos cíclicos ou contemplar o céu e o seu reflexo nas águas agitadas. O simples observar dos pés ao pisarem a areia e sentir a sensação do frio na pele, sem fazer juízos, críticas nem atribuir nomes ao que está a ver.

Olhar para o ambiente tal como ele É; simplesmente como ele é, como um todo, do qual nós fazemos parte. Sem atribuição de rótulos, o ser consciente em nós percebe o silêncio interior, um espaço onde não há lugar para pensamentos, mas apenas para a presença. Para a sensação de unidade com o universo.

O mesmo pode ser alcançado na dança ou no desporto, mesmo que intenso, com um objetivo bem definido. A entrega total é a chave para o sucesso da prática. Existem inúmeros relatos ao longo da história de pessoas que vivenciaram o despertar ou pelo menos um vislumbre do mesmo durante as suas atividades diárias.

Este é um bom método para quem tem dificuldade em se concentrar no silêncio ou manter-se imóvel durante algum tempo.

Vantagens?

Com a prática, os benefícios são imensos. O praticante começará a sentir-se mais leve, bem-disposto, tranquilo, autoconfiante, aumenta a sua energia e diminui a ansiedade. Como consequência, as relações com os outros também melhoram consideravelmente, seja no campo pessoal ou profissional.

Se quer meditar, mas tem dificuldade, então aqui tem uma boa opção e assim não poderá desculpar-se mais com a falta de tempo.

Referências   [ + ]

1. Imagem presente em: http://www.ufrgs.br/ufrgs/noticias/projeto-oferece-pratica-de-meditacao-ativa

Sobre o autor | Website

Sou natural do Concelho de Santarém, onde resido, e como principal atividade sou Professor de Matemática. Em novembro de 2000 obtive o 1.º grau de Reiki Usui Shiki Ryoho e em 2017 tornei-me Facilitador de Cura Reconectiva®, atividade que desempenho em regime de part-time. Desde tenra idade nunca aceitei uma visão materialista e fatalista da vida, mas sim como uma oportunidade para crescer e ir mais além na descoberta da minha verdadeira identidade. O eu que eu julgo ser, não sou Eu, mas sim uma ilusão do ego.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!