A Jornada Interior

O estudo, a investigação, a reflexão e a meditação são os instrumentos que esculpem o ser e lhe limam as arestas qual diamante de luz, que vai ressurgindo dentro de nós.

Compartilhar nas Redes Sociais:

1)Imagem presente em: https://www.luzdaserra.com.br/

O caminho da procura interior conduz inevitavelmente a uma mudança gradual de valores à medida que se vai caminhando, de tal modo que em poucos anos a pessoa não se reconhece a si mesma. É uma transformação, um refinamento de sentimentos e emoções, que todo o ser parece morrer e renascer a cada dia, a cada momento, adquirindo o conhecimento que o impulsiona a dar saltos de expansão da consciência.

O estudo, a investigação, a reflexão e a meditação são os instrumentos que esculpem o ser e lhe limam as arestas qual diamante de luz, que vai ressurgindo dentro de nós. Passamos de homens e mulheres brutos, grotescos em que a única coisa que importa é a sobrevivência para seres de elevada sensibilidade. De um estado em que o ser humano se encontra ao nível do instinto, pouco mais evoluído que os animais, para um estado onde pode viver em pleno a espiritualidade.

O milagre da vida ou as simples leis do universo, não as físicas, mas sim as espirituais, que tudo comandam e regem a existência, nos oferece as condições ideais, o palco onde desempenhamos a experiência perfeita, a mais adequada, para a consciência adquirir a lucidez necessária à sua evolução.

Cada um de nós é uma pedra preciosa que a vida vai trabalhando lentamente, mas muitas vezes de uma forma árdua, ao longo de incontáveis experiências terrenas, cuidadosamente preparadas pela Consciência Universal. Vida após vida, ocupando corpos como veículos, temos vindo a passar por experiências de singular riqueza na conquista de um pouco mais de conhecimento, rumo ao derradeiro acordar que nos levará de regresso a Casa. Para os cristãos o Reino dos Céus, para os Budistas, o Nirvana e para a Física Quântica, o Vácuo Quântico. Como diria Joel Goldsmith, voltar à Casa do Pai ou como diz Eckhart Tolle, reconhecer o Ser, a Presença dentro de si e se fundir com ela.

Muito poderia ser dito, e, contudo, seria pouco para definir o que é a Vida e, mesmo assim, talvez não conseguíssemos fazê-lo. Pelo menos eu, no estágio em que me encontro, não conseguiria.

Através destas breves linhas, aqui deixo um texto que é apenas uma pequena reflexão solitária na tentativa de me conhecer um pouco melhor. Escalando o meu próprio mundo interior, espero alcançar novos patamares de conhecimento, tal como um alpinista que a cada passo se aproxima cada vez mais do seu objetivo, contemplando tudo o que deixou para trás.

Referências   [ + ]

1. Imagem presente em: https://www.luzdaserra.com.br/

Sobre o autor | Website

Sou natural do Concelho de Santarém, onde resido, e como principal atividade sou Professor de Matemática. Em novembro de 2000 obtive o 1.º grau de Reiki Usui Shiki Ryoho e em 2017 tornei-me Facilitador de Cura Reconectiva®, atividade que desempenho em regime de part-time. Desde tenra idade nunca aceitei uma visão materialista e fatalista da vida, mas sim como uma oportunidade para crescer e ir mais além na descoberta da minha verdadeira identidade. O eu que eu julgo ser, não sou Eu, mas sim uma ilusão do ego.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!